ITALO FERREIRA TREINA NAS VALINHAS DE TSURIGASAKI BEACH

Italo Ferreira, Jogos de Tóquio 2021, Tsurigasaki Beach, Japão, Surf, Chiba, Olimpíadas. Foto: Marcos Casteluber / @IF15Sports
Italo Ferreira ataca uma pequena direita em Tsurigasaki Beach, Japão, observado por Silvana Lima. Foto: Marcos Casteluber / @if15sports

Enquanto o esperado swell não chega ao Japão, o campeão mundial Italo Ferreira e outros atletas treinam nas pequenas ondas de Tsurigasaki Beach, em Shidashita, palco da estreia do surf como modalidade olímpica.

Ele e a cearense Silvana Lima ficaram sem treinar nos primeiros dias devido a um problema na escala do voo. Como houve um atraso no voo de São Paulo para Frankfurt, na Alemanha, eles não tiveram tempo de esperar as malas, senão perderiam a conexão para Tóquio.

Os atletas chegaram ao Japão no domingo, mas só conseguiram pegar seus equipamentos na manhã da última terça.

Previsão das ondas

A passagem de um tufão pelo Japão pode proporcionar ondas intensas nos primeiros dias da janela de espera dos Jogos de Tóquio. O início da janela de espera está marcado para as 19 horas deste sábado no horário de Brasília, manhã de domingo no Japão, e a expectativa é de ondas desafiadoras.

A previsão tem mudado bastante, devido às desafiadoras condições climáticas. Em vez dos 5 metros de altura, agora as ondas podem chegar aos 3 metros no primeiro dia, com vento maral / lateral moderado. O swell tende a perder força a partir do segundo dia, mas com melhores ventos, virando para terral.

Há possibilidade um novo tufão proporcionar ondas na casa dos 3 metros a partir do dia 30 no Japão (sexta-feira da próxima semana).

O prazo para realização das disputas de surf vai até o dia 1º de agosto. Vale ressaltar que toda previsão das ondas a longo prazo está sujeita a alterações.

Italo Ferreira, Jogos de Tóquio 2021, Tsurigasaki Beach, Japão, Surf, Chiba, Olimpíadas. Foto: Marcos Casteluber / @IF15Sports
Italo decola na esquerda. Foto: Marcos Casteluber / @IF15Sports

O caminho para o ouro

O formato dos Jogos de Tóquio inclui 6 rodadas no surf.

Round 1

A primeira rodada dos Jogos de Tóquio não é eliminatória. Os surfistas serão classificados em cinco baterias de quatro surfistas cada, com os dois melhores surfistas avançando direto para o Round 3. Os dois últimos surfistas irão para o Round 2, a primeira rodada de eliminação.

Round 2

A segunda rodada terá duas baterias com cinco surfistas cada. Os três melhores surfistas de cada bateria avançam, enquanto os dois últimos serão eliminados da competição.

Round 3

Os surfistas serão divididos em oito baterias com dois surfistas cada. Os vencedores seguem adiante, enquanto os derrotados são eliminados.

Round 4 (quartas de final)

Possui quatro baterias com dois surfistas. O melhor surfista de cada bateria avança. O surfista em segundo é eliminado dos Jogos de Tóquio.

Round 5 (semifinais)

Duas baterias com dois surfistas. Os melhores surfistas vão para a final. Os dois últimos surfistas vão para a disputa pela medalha de bronze.

Disputa do bronze

Uma bateria de duas pessoas onde o melhor surfista ganha a medalha de bronze.

Disputa do ouro

Uma bateria de duas pessoas em que o melhor surfista ganha a medalha de ouro e o segundo colocado ganha a medalha de prata.

Italo Ferreira, Jogos de Tóquio 2021, Tsurigasaki Beach, Japão, Surf, Chiba, Olimpíadas. Foto: Marcos Casteluber / @IF15Sports
O atual campeão mundial da World Surf League está escalado na primeira bateria dos Jogos. Foto: Marcos Casteluber / @IF15Sports

Baterias dos Jogos de Tóquio

Primeira fase masculina

1 Italo Ferreira (BRA), Leonardo Fioravanti (ITA), Hiroto Ohhara (JAP) e Leandro Usuna (ARG)
2 Kanoa Igarashi (JAP), Jeremy Flores (FRA), Miguel Tudela (PER) e Frederico Morais (POR)
3 Kolohe Andino (EUA), Julian Wilson (AUS), Lucca Mesinas (PER) e Bily Stairmand (NZL)
4 John John Florence (HAV), Owen Wright (AUS), Manuel Selman (CHI) e Ramzi Boukhiam (MAR)
5 Gabriel Medina (BRA), Michel Bourez (FRA), Leon Glatzer (ALE) e Rio Waida (IND)

Primeira fase feminina

1 Carissa Moore (EUA), Teresa Bonvalot (POR), Daniella Rosas (PER) e Dominic Barona (EQU)
2 Sally Fitzgibbons (AUS), Brisa Hennessy (CRI), Mahina Maeda (JAP) e Bianca Buitendag (AFR)
3 Stephanie Gilmore (AUS), Silvana Lima (BRA), Pauline Ado (FRA), Anat Lelior (ISR)
4 Tatiana Weston-Webb (BRA), Johanne Defay (FRA), Amuro Tsuzuki (JAP), Sofía Mulanovich (PER)
5 Caroline Marks (EUA), Yolanda Sequeira (POR), Leilani McGonagle (CRI) e Ella Willians (NZL)

Italo Ferreira, Jogos de Tóquio 2021, Tsurigasaki Beach, Japão, Surf, Chiba, Olimpíadas. Foto: Marcos Casteluber / @IF15Sports
Caso as condições do mar colaborem, a estreia de Italo acontece às 19 horas deste sábado, no horário de Brasília. Foto: Marcos Casteluber / @IF15Sports

Programação do Festival Olímpico de Surfe (sujeita a alterações)

Sábado, 24 de julho (horário de Brasília)

Round 1 da categoria masculina – 19:00h
Round 1 da categoria feminina – 22:20h
Round 2 da categoria masculina – 01:40h da madrugada
Round 2 da categoria feminina – 03:00h da madrugada

Domingo, 25 de julho

Round 3 da categoria feminina – 19:00h
Round 3 da categoria masculina – 23:48h

Segunda-feira, 26 de julho

Quartas de final da categoria masculina – 19:00h
Quartas de final da categoria feminina – 21:24h
Semifinal da categoria masculina – 23:48h
Semifinal da categoria feminina – 01:00h da madrugada

Terça-feira, 27 de julho

Bateria da medalha de bronze feminina – 20:00h
Bateria da medalha de bronze masculina – 20:45h
Bateria da medalha de ouro feminina – 21:30h
Bateria da medalha de ouro masculina – 22:05h
Cerimônia de entrega de medalhas feminina – 23:05h
Cerimônia de entrega de medalhas masculina – 23:20h

Leia também:

Regra pode beneficiar a França nos Jogos de Tóquio

Como serão os equipamentos dos atletas nos Jogos

O palco dos Jogos Olímpicos